Docentes Aposentados

Maria Amelia Mascarenhas Dantes

 

 

 

 

MARIA AMELIA MASCARENHAS DANTES concluiu o doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo em 1973. Atualmente é Professor de Pós-Graduação e Professor Senior da Universidade de São Paulo. Publicou 7 artigos em periódicos especializados e 27 trabalhos em anais de eventos. Possui 24 capítulos de livros e 3 livros publicados. Possui 104 itens de produção técnica. Orientou 17 dissertações de mestrado e 22 teses de doutorado na área de História. Atua na área de História, com ênfase em Historia das Ciências no Brasil. Em suas atividades profissionais interagiu com 10 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Em seu currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: BRASIL-CIENCIA, CIENCIA-HISTORIA, CIENCIA NO BRASIL-HISTORIA, CIENCIA-BRASIL, CIENCIA-MODELOS INSTITUCIONAIS, Sao Paulo-Ciencia, INSTITUCIONALIZACAO DA CIENCIA-BRASIL, BRASIL-INSTITUTOS DE PESQUISA, CIENTIFICISMO-BRASIL e POSITIVISMO-BRASIL. (Texto informado pelo autor)

Linha de Pesquisa: História da Ciência e da Técnica

 

Maria Aparecida de Aquino

 

 

 

 

Possui graduação em História pela Universidade de São Paulo (1974), graduação em Educação Artística - Faculdades Integradas Alcântara Machado (1975), mestrado em História Social pela FFLCH/USP (1990) e doutorado em História Social pela FFLCH/USP (1994). Atualmente é professora titular aposentada da Universidade de São Paulo e colaboradora do Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade de São Paulo. Foi coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação Arte e História da Cultura da Universidade Presbiteriana Mackenzie. É também docente do curso de História das Faculdades Integradas de Guarulhos (FIG) e do Curso de Relações Internacionais da Universidade de Sorocaba (UNISO). Tem experiência na área de História, com ênfase em História Contemporânea, História do Brasil República, atuando principalmente nos seguintes temas: Imprensa brasileira, regime militar, censura, crise política no Brasil, política na América Latina. (Texto informado pelo autor)

Francisco Murari Pires

 

 

 

 

Possui graduação em Historia pela Universidade de São Paulo (1976), graduação em Engenharia pela Universidade de São Paulo (1971), mestrado em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo (1976), mestrado em História Econômica pela Universidade de São Paulo (1979) e doutorado em História Econômica pela Universidade de São Paulo (1983). Desde outubro de 2006, professor Titular em História Antiga pela USP. Atualmente desenvolve projeto de pesquisa Antigos e Modernos: diálogos sobre a escrita da história, com enfoque especialmente dedicado à história das leituras e percepções da concepção de história tucidideana no âmbito da tradição historiográfica moderna, desde o Quattrocento até os inícios do século XXI. Tais abordagens encontram-se editadas na página web: http://www.fflch.usp.br/dh/heros/ (Texto informado pelo autor)

Linha de Pesquisa: Cultura Material e Visual, Historiografia e Documentação
 
Livros: 
Aristóteles, A Constituição de Atenas, introdução, tradução, notas e comentários por Francisco Murari Pires, São Pulo, Hucitec, 1995. PIRES, F.M. – Mithistória, São Paulo, Humanitas-Fapesp, 1999. PIRES, F.M. – Diálogos Tucidideanos I. No Tempo dos Humanistas (de Bruni a Alberti), São Paulo, EDUSP-FAPESP, 2007 (no prelo).
Artigos: 
  • PIRES, F. M. - Prologue historiographique et proème épique: les principes de la narration en Grèce ancienne, Quaderni di Storia, Itália, 2003, p. 73 – 94.
  • PIRES, F.M. - The Rhetoric of Method (Thucydides I.22 and 2.35), The Ancient History Bulletin, 12, 1998, p. 106 – 112.
  • PIRES, F.M. - Thucydide et l'assemblée sur Pylos (IV.26-28): rhétorique de la méthode, figure de l'autorité et détours de la mémoire, The Ancient History Bulletin, Canadá, 2003, p. 127 – 148.
  • PIRES, F.M. - O Porto de Pilos e a baía de Navarino, Tucídides e o coronel Leake: akríbeia antiga mais crítica moderna e as temporalidades da história tucidideana, Phaos, Brasil, 2003, p. 95 – 114.
  • PIRES, F.M. - Ktema es aei: a prolixidade do silêncio tucidideano
  • Anos 90, Brasil, 2003, p. 87 – 109.
  • PIRES, F.M. - A Morte do Herói(co), Filosofia Política, Brasil, 2001, p. 102 – 114.
Capítulos de Livros: 

PIRES, F. Murari - Thucydidean Modernities: History between Science and Art in Brill's Companion to Thucydides, coordinated by Antonios Rengakos e Antonis Tsakmakis, 9004136835, Leiden, Holanda, Brill, 2006, p. 811 – 837.

Páginas